quarta-feira, 10 de maio de 2017

SAUDITA E IRAQUIANO PRESOS NA PARAÍBA PERTENCEM A GRUPOS EXTREMISTAS

Após investigações, a Polícia Civil descobriu que o árabe preso na Paraíba suspeito de falsificação de documentos para imigração possui vinculação com grupos extremistas. De acordo com o delegado Lucas Sá, da Delegacia de Defraudações e Falsificações, foram encontradas muitas provas no celular do suspeito que comprovam a vinculação com grupos extremistas.


A audiência de custódia dos suspeitos foi adiada porque a defesa exigiu a presença de um tradutor da língua árabe. A embaixada da Arábia Saudita foi acionada e enviará um tradutor. O Cônsul da Arábia Saudita está a caminho de João Pessoa para acompanhar a audiência de custódia dos suspeitos, que tiveram sua prisão convertida em preventiva.

terça-feira, 9 de maio de 2017

EXÉRCITO PODE TOMAR AS RUAS APÓS PROVÁVEL PRISÃO DE LULA

Tais normas seriam decretadas em razão do agravamento das posições políticas e ideológicas que se consolidaram no atual cenário nacional.

O país passará por um período de confrontos e as instituições não serão capazes de controlá-los ou solucioná-los.


Seria possível uma intervenção militar no Brasil?

Posições radicais, autoritárias e antidemocráticas tomadas por líderes de esquerda e por movimentos ‘autointitulados’ como sociais demonstram que uma provável prisão de Lula poderá resultar em confrontos físicos entre a população.

segunda-feira, 8 de maio de 2017

WASHINGTON IRÁ EVACUAR 230.000 AMERICANOS NA COREIA DO SUL

As forças norte-americanas na Coréia do Sul planeja realizar um exercício de evacuação, com o objectivo de transferir cidadãos americanos para lugares seguros nas relações de caso com a Coreia do Norte a entrar numa fase de confronto militar aberto, o jornal ' Korea Times '.


Sob a broca, que será realizada no próximo mês de Junho , pelo menos 230.000 americanos que vivem na Coreia do Sul serão evacuados para países como o Japão.

domingo, 7 de maio de 2017

COREIA DO NORTE AMEAÇA BOMBARDEAR ISRAEL

A Coreia do Norte ameaçou bombardear Israel e chamou os comentários do ministro de Defesa Avigdor Liberman de “precipitados e maliciosos”. O incidente diplomático ocorreu neste sábado (29) após ele ter chamado o líder coreano Kim Jong Un de “extremista e louco”.


Em um comunicado oficial do Ministério de Exterior, Pyongyang disse que Liberman desafiou a Coreia do Norte ao fazer comentários “maliciosos” contra a nação. A resposta foi: “Nossa mensagem constante é castigar sem piedade aos que ofendem a nossa dignidade. Advertimos a Israel a pensar melhor sobre as implicações de sua campanha de difamação contra nós”.

sábado, 6 de maio de 2017

COREIA DO NORTE SUGERE 'BOMBARDEAR' A CASA BRANCA EM NOVA PROPAGANDA (VÍDEO)

O principal site norte-coreano de propaganda estatal divulgou nesta quinta-feira uma nova filmagem de ataques simulados pelo país asiático contra a Casa Branca e porta-aviões dos Estados Unidos, informou a agência sul-coreana Yonhap.


A rede propagandista Meari (Echo) apresentou um vídeo no qual é possível ver simulações de como seria, na visão dos norte-coreanos, o resultado de ataques com mísseis contra navios de guerra norte-americanos, em uma sinalização do que estaria a espera do governo de Donald Trump, caso ataque Pyongyang.

sexta-feira, 5 de maio de 2017

TERREMOTO DE MAGNITUDE 7,2 ATINGE FILIPINAS E GERA ALERTA DE TSUNAMI

Um terremoto de magnitude 7,2 ocorreu nesta sexta-feira ao largo da costa das Filipinas, 34 quilômetros ao sudoeste de Pangyan.

Segundo o Serviço Geológico dos EUA, o epicentro do terremoto foi localizado em uma profundidade de 10 quilômetros.


​ De acordo com as últimas informações, não houve relatos de destruição ou acidentes causados pelo tremor.

quinta-feira, 4 de maio de 2017

CORÉIA DO NORTE DISPARA MÍSSIL BALÍSTICO E TRUMP NÃO DESCARTA CONFLITO

A Coreia do Norte fez um novo lançamento de míssil na noite desta sexta-feira (28, hora de Brasília), afirma o Exército sul-coreano. O lançamento, que teria fracassado segundo as mesmas fontes militares, ocorre dias depois de os EUA iniciarem a instalação de um sistema de defesa antimísseis na Coreia do Sul.


O tipo de míssil e a trajetória não foram identificados pelos militares sul-coreanos. O lançamento foi feito de South Pyeongan, uma província ao norte de Pyongyang. Autoridades americanas disseram que o míssil teria caído sobre o Mar do Japão.

quarta-feira, 3 de maio de 2017

DESEMPREGO RECORDE ATINGE MAIS DE 14 MILHÕES DE TRABALHADORES

O IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) divulgou hoje os números da Pnad Contínua (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicilio) do primeiro trimestre do ano: a taxa de desemprego no Brasil voltou a bater recorde no primeiro trimestre de 2017, período em que 13,7% da população, ou mais de 14,2 milhões, estavam sem ocupação. O número representa uma alta de 14,9%, ou 1,8 milhão de pessoas, com relação ao trimestre entre outubro e dezembro, quando a taxa foi de 12%. 

terça-feira, 2 de maio de 2017

SITE LIBERTAR.IN FOI INVADIDO POR HARCKERS ISLÂMICOS, MAS JÁ VOLTA A FUNCIONAR

Site cristão brasileiro é derrubado por hackers islâmicos

Página foi invadida por grupo simpatizante do Estado Islâmico


Quem pensa que o Brasil não tem problemas com ações de terroristas islâmicos precisa rever seus conceitos. Pelo menos dois acontecimentos no último mês mostram que existem grupos ativos no país defendendo uma jihad (guerra santa) e defendendo os valores impostos pelos terroristas do Estado Islâmico.

segunda-feira, 1 de maio de 2017

RÚSSIA AFIRMA QUE PODE DESTRUIR TODA MARINHA DOS EUA COM ARMA ELETRÔNICA

Uma fonte de notícias russa afirmou que o país tem uma arma de interferência de sinal eletrônico que pode desativar aviões, navios e mísseis, de acordo com um artigo publicado pelo The Sun. Esta arma poderia apagar toda a Marinha dos EUA com uma única "bomba eletrônica" de ponta. As tropas da Guerra Eletrônica Russa (REW) poderiam detectar e "neutralizar" qualquer alvo em um radar, um sistema de navegação de navio, a um satélite. 


O relatório também afirmou que há vários anos, um único avião de guerra russo voou algumas vezes ao redor do USS Donald Cook no Mar Negro. Ele desativou os sistemas do destróier americano, tornando-o inútil. O relatório da propaganda chegou a afirmar que o general de alto escalão Frank Gorenc, disse que: "As armas eletrônicas russas paralisaram completamente o funcionamento de equipamentos eletrônicos americanos instalados em mísseis, aviões e navios". Um porta-voz militar dos EUA negou que o General Gorenc tenha proferido essas palavras.