quinta-feira, 2 de julho de 2015

NASA Confirma "Nunca Foi a Lua". Não Sobreviveriam a Alta Radiação dos "Cinturões de Van Allen"


NASA Engenheiro, Kelly Smith, trabalha para Navitagion e Orientação para a Missão Orion. 

ORION não terá astronautas a bordo, já que seria jornada de arriscar a vida. A viagem pelo cinturões de Van Allen TERIA RADIAÇÃO DEMAIS  e os humanos não podem viver com isso! 

- Ele afirma: "Temos de resolver estes problemas antes de enviar as pessoas por esta região do Espaço! "(falhas de Van Allen cinturão de radiação e de comunicação desta radiação e Comunicação Interferência ...). 

- Mas nós deveríamos ter feito isso já em 1969,
quando os primeiros homens, astronautas dos EUA, pousaram na Lua! Será que eles não pousaram na Lua? Pelo que afirma o engenheiro da NASA, eles aparentemente não!

Isso prova que os pousos na Lua eram falsos ... Os seres humanos não podem passar através dos cinturões de radiação, ou o teto de vidro, ou seja lá o que é que nos colocou em quarentena nesta realidade.

Engenheiro da NASA admite que não pode passar os cinturões de Van Allen

Este vídeo lançado pela NASA sobre o espaço Orion próxima objeto exploração, mostra um cientista da NASA admite que eles ainda não tenham trabalhado para fora como para proteger adequadamente a nave espacial da radiação emitida a partir dos cinturões de Van Allen.

Será que fomos enganados? Difícil acreditar, mais aos fatos não podemos ir contra, se hoje não existe tal tecnologia para proteger a nave ORION do Cinturão de Van Allen, como no passado o Homem chegou na Lua?


Depois de todos estes relatos você ainda acredita que isto ai na foto acima foi a Lua?

Tire você mesmo suas próprias conclusões.

SEJA UM MEMBRO DESSE BLOG SE INSCREVA, OU ME SIGA NO GOOGLE+ E FIQUE POR DENTRO DE TODOS OS ASSUNTOS RELEVANTES DA NOVA ORDEM MUNDIAL E NÃO SE ESQUEÇA DE COMPARTILHAR ISSO É MUITO IMPORTANTE AVISE AO MAXIMO DE PESSOAS POSSÍVEL!!!

NÃO DEIXE DE CURTIR NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK CLICANDO >>AQUI<< OU NO BOX DA FANPAGE LOGO AQUI DO LADO >>>


FONTES:





Nenhum comentário: